Surgida em 01/05/1987 da junção de varias turmas  da Zona Norte de São Paulo nasceu TZN, uma turma que já nascia com porte de Turma grande, pois as turmas que se juntaram já tinham alguma bagagem na mala, uma turma onde o que vale alem da qualidade da confecção é o tamanho dos balões, não ligam muito para a decoração, mas sim para porte de seus projetos, e adoram os fogueteiros. Uma turma super humilde que nos tratou de uma forma bem legal e descontraída o que ajudou muito o ritimo da entrevista que por vezes foi interrompida para bater um bom papo falar de historias antigas relembrar fatos e dar boas risadas.
O que mais nos surpreendeu é saber que TZN que já soltou diversos balões tem seu forte no resgate, que compreende quase toda a turma que prefere correr nos resgates a fazer seu próprios projetos, é lógico que existem aqueles integrantes que só cuidam da confecção dos novos balões, aqueles que só correm e os que fazem as duas coisas.
Dona de uma história de grandes feitos como a Bagdá de 54 metros a TZN, tem muita história pra contar, historias alegres de projetos de deram certo de amizades feitas, e historia tristes como a perca da Sede por denuncias de alguns vizinhos, sendo que este fato de perder o local de confecção acabou abalando os alicerces da turma, pois boa parte da história deles estava lá dentro e foi destruída junto com o 23x21 que seria o próximo grande projeto da TZN.
Os caras contaram que também contribuíram um pouco para que este fato acontecesse com muitas festas e várias  solturas de balões do local da Sede, sem hora marcada, quando “dava na telha” eles soltavam alguns balões que tinham resgatados isso 2:00 ou 4:00 da manhã ou da tarde, não importando a hora, alem do bom é velho churrasco e algumas bombas. Nesta entrevista que fizemos bar do Bigola e do Ari(Virgula), ficamos sabendo de fatos interessantes o principal deles é que a TZN esta na ativa, com bons projetos e com muitos integrantes que no decorrer da entrevista só foram aumentando, aumentando até quase lotar o bar ai tivemos certeza de que a TZN sem duvida nenhuma está de volt
a.

Planeta Balão: Quem é a TZN hoje?

TZN: Bigola, Ari(virgula), Glauco, David, Klebinho, Louco, Zé 6 Dedos, Leandro, Reginho, Tiaguinho, Tiagão, Tete, Beto, Pelé, Jacó, Salomé, Dudu, Lolo, Lolinho (filho do lolo), Rudnei, Serginho, Cotó, Paulinho, Vinícius, Tiago, Luis, Itaquera amigo nosso) e o Alvaro.


Planeta Balão: Quais os principais Balões da turma?

TZN: 8 x 7  preto, 6 x 6 painel, 6 x 6 fogueteiro noturno, 12 x 11, 8 x 8 painel do Índio  (indicado como um dos melhores do Rio de Janeiro), 14 x 14 fogueteiro noturno, 11 x 11 verde, Painel do Mago, Bagdá de 54 metros Bandeira com símbolo da turma (2 anos para confecção) 19x19 fogueteiro diurno,16x16 fogueteiro noturno.


Planeta Balão: Quando foi que a turma deu uma parada?

TZN: Justamente quando estávamos com o 23 x 21 pronto, e aconteceu o fato que todos já sabem, foi até destruído parte dele(balão) com uma enxada pelos policiais.


Planeta Balão: O que aconteceu depois disto?

TZN: Para que a turma não terminasse, montamos um time de futebol de salão, que em 4 anos de vida já acumula cerca de 40 troféus, e depois o Bigola e o Ari( Virgula) abriram o bar e fizemos um pião de 10 metros. De seda que foi solto no festival da Tirando Onda(ficando em 3º lugar). Tivemos com isto um bom resultado e voltamos agora com todo o gás. Só nos falta montar uma bancada, que já está a vista em um lugar afastado, provavelmente Guarulhos.


Planeta Balão: A TZN gosta mais da soltura ou do resgate?

TZN: Gostamos mais do resgate, preferimos ver  um balão caindo do que subindo. Tanto é que o Leandro muitas vezes não vai ver a soltura nem dos nossos balões, ele costuma ficar de longe vendo o balão subir, para já ir atrás. Quando pega o balão ele relaciona os fatos ocorridos no  resgate, com data, local  e como foi o resgate.  Estes balões ficam empacotados e empilhados na garagem da sua casa. Normalmente anda sozinho e de moto.


Planeta Balão:
Bom já que o assunto é resgate, o que deve ser feito para melhorar esse porcesso?

TZN: Na nossa opinião deve ser feito o resgate, abaixando o balão, dobrando, saindo rapidamente do local e fazer o sorteio longe de onde aconteceu o fato.Só que o fato de haver muitas turmas, dificulta a organização.


Planeta Balão:
O que vocês acham das turmas que são excluvias para resgates, como a USM?

TZN: É bom que exista turmas assim, ajuda a tentar organizar o resgate e a salvar o balão.


Planeta Balão: Todos trabalham na confecção dos balões ou são mais nos resgates?

TZN: A maioria vai nos resgates. Quando tínhamos uma base de 100 pessoas, apenas 10 trabalhavam no balão o restante ia para o resgate, havia alguns que faziam as duas coisas, dividindo-se em turnos.


Planeta Balão: Quantos balões vocês já resgataram?

TZN: Na casa do Leandro possuem aproximadamente 50 balões, ao todo calculam uma média de 100 balões. Isso balões acima de 20 metros se for contar de 4x4 para baixo são muitos.


Planeta Balão: Qual a média de tamanho destes balões resgatados?

TZN: Para se ter uma base, só acima de 24mts. Uns 30 balões, sendo que o pião de 35m. Da turma da Alvarenga, resgatamos 2 vezes, sendo uma lá em Curitiba. O Zé Carlos saiu daqui de São Paulo quando balão ia subir lá em Curitiba e no meio do caminho avistou o balão e foi atrás catando ele novamente, guardamos ele, quando apareceu um cara na Sede e viu o balão falou que pagaria 500 R$ para soltar aquele balão pois era o sonho dele e não deu outra deixamos o cara soltar o Pião.


Planeta Balão: Qual o principal balão resgatado?

TZN: 16 x 16 turma da foca, resgatado pelo Leandro.


Planeta Balão: Já pensaram em fazer uma revoada destes balões?

TZN: Sim. Mas toda vez que pensamos nisto aparece um balão novo para fazer e a revoada vai ficando para trás.


Planeta Balão: Existe uma técnica pra chegar nos Balões?

TZN: Nenhuma,  Balão é sorte.


Planeta Balão: Já criaram muitas inimizades com resgates?

TZN: Sim. Pelo fato de todas as turmas que estão embaixo do balão se estranharem mesmo. Apesar de que isto é uma coisa antiga, hoje isto não existe mais, temos muitos amigos.


Planeta Balão: Quais os melhores lugares para resgatar os balões?

TZN: Mairiporã, Campo limpo, Nazaré Paulista, principalmente no meio do mato, Zona Leste (Aricanduva, local de espera), mas não dispensamos uma 23 de maio, por exemplo.


Planeta Balão: Se por acaso um balão cair em uma casa, quebrar um telhado e o balão for sorteado para vocês, a  turma arca com os prejuízos?

TZN: Sim, já até pagamos um telhado, fomos presos e a dona da casa foi até a delegacia reclamar ai nós perguntamos quanto era o prejuízo e ela disse que era de umas 10 telhas e uma antena, pagamos e fomos liberados. Mas preferimos ir atrás de um balão no meio do mato do que em uma casa, pois evitaremos maiores transtornos.


Planeta Balão: Vocês tentam organizar o resgate?

TZN: Sim. Já tentamos, mas é muito difícil.


Planeta Balão: Já passaram por um sufoco no resgate?

TZN
: Uma vez nós nos perdemos em Santana do Parnaíba, o carro ferveu e para colocar água no radiador pegamos uma bota de um boiadeiro e fomos até o lago pegar esta água.  

Planeta Balão: Levaram algum balão na mão grande?

TZN: De jeito nenhum. Muitas vezes até ajudamos levar o balão no veículo de quem o ganhou.


Planeta Balão: Qual o próximo balão?

TZN: Modelado 18 fogueteiro noturno.


Planeta Balão: Irão fazer 23 x 21 novamente?

TZN: Queremos primeiro soltar este modelado 18 metros para ver a reação da turma depois sim vamos pensar melhor no 23x21.


Planeta Balão: Não seria agora uma boa hora para revoada?

TZN: Sim. Mas o problema é o local para a soltura, o medo, como teremos que fazer para colocar os balões em um caminhão e levá-los para o local.


Planeta Balão: Há dias para confeccionar os balões?

TZN: 4 vezes por semana, em média.


Planeta Balão: Quem corta os balões?


TZN
: Tinão e Paulinho da Ícaro, com idéias do Serginho.


Planeta Balão: Turmas preferidas.

TZN: Emenda, Naypes e Balão Mágico.


P
laneta Balão: Cite algumas pessoas do meio?

TZN: Tati e Bortolloto


Planeta Balão: Uma tragédia?

TZN: Falecimento do Tadeu e a destruição do 23 x 21.


Planeta Balão: Qual a maior alegria da turma?

TZN: Bagdá de 54 mts, na verdade não acreditávamos como iria ficar realmente. Tanto é que pessoas da antiga como o Vitche, Paulinho Ignorante, falavam que a bandeira era muito grande, ou então que era pequena. Até nós estávamos perdidos, pois se tratava de um balão muito grande. Ficavamos nos perguntando se o bico ficaria em pé, pensamos em colocar bexigas para levantar o bico, ate em soltar um 3x3 ao lado para levantar o bico. No final deu tudo certo.


Planeta Balão: Quem cortou este balão?

TZN: O Paulinho da Ícaro.

Planeta Balão: Quem faz os leques para Vocês?

TZN: O Serginho, que é integrante da Turma.


Planeta Balão: E os projetos?

TZN: Serginho e Álvaro.  


Planeta Balão: Alguém deu uns toques para este balão?

TZN: Não, resolvemos fazer por nós mesmos.


Planeta Balão: Qual foi o Maior desafio para a TZN?

TZN: A Bagdá de 54 metros, pelo seu tamanho e por como já dissemos, não saber como iria ficar.


Planeta Balão: Qual o tipo de balão preferido pela turma?


TZN
: Modelado fogueteiro noturno.


Planeta Balão: Maior sonho da turma?

TZN: Refazer o 23 x 21.


Planeta Balão: Vocês são a favor do gigantismo?

TZN: Sim, adoramos.


Planeta Balão: Quais os balões que fariam uma réplica?

TZN: Pião de 60 metros da Emenda e Modelado de 60 metros da Jurema.


Planeta Balão: O melhor balão solto em São Paulo?
 

TZN: Modelado de 60 metros da Jurema, pois foi impressionante.


Planeta Balão: O que não fariam de jeito nenhum?

TZN: Pião de grande Porte.


Planeta Balão: Os balões que mais marcaram a turma.

TZN: 14x14, 19x19, Bagdá de 54 metros. (sobre a Bagdá de 54 metros procuramos informação onde havia descido, colocamos anúncio em uma rádio de Minas Gerais e fomos até  lá para saber se achávamos ele e nada deve ter desintegrado.)


Planeta Balão: O que acham dos festivais?

TZN: Legal. Incentiva as turmas novas.


Planeta Balão: Incentivo do tipo
Boca de Ouro, é bom?

TZN: Não, só da brigas, achamos que todos que fazem balões merecem um troféu.


Planeta Balão:  Melhor local para soltura?

TZN: Santa Luzia, Mairiporã e Pesqueiro do Bodão.


Planeta Balão:
Vocês consideram seus balões seguros?

TZN: Com certeza, tanto é que quando fomos soltar o 19x19, um cara falou que o balão teria aberto o bico e eu(bigola), respondi que não havia aberto o bico coisa nenhuma, eu estava debaixo do balão, confiando nele e estava perfeito.


Planeta Balão: Conte algum fato interessante de resgate

TZN: Foi no pião de 42, que quando estávamos com o balão dominado, vimos o Paulinho Ignorante chegando e ficamos dando tranco no balão para arrancar a boca, só para ele não entrar no sorteio estavam nesse regaste os integrantes Bigola, Alvaro, Chui, Edinho, Clebinho e Lilica.


Planeta Balão: Vocês acham que balões fogueteiros “queimam o filme?

TZN: O que acontece é que muitas vezes juntam-se pessoas que fazem balões pequenos e sem muita experiência e vêem outras turmas fazendo balões assim, também querem fazer, fazem um 10x10 pensam que é como soltar os pequenos e é aí que “zica”.


Planeta Balão:  Cite alguns balões soltos por outras turmas que a TZN consideram bons?

TZN: Último painel da Turma da Saudade (rosto de cristo), 13x2x8 painel, balões do Adib (melhores balões com certeza, pois foram com eles que muitos aprenderam a fazer balões, tanto é que aprendemos a fazer bomba de caída com um balão do Adib ).


Planeta Balão: Entre estar em um fogueteiro grande e um balão de menor porte decorado com bandeira em qual estariam?

TZN: Preferiríamos estar no fogueteiro, até no resgate damos preferência ao fogueteiro, não tanto pela decoração, mas por ser grande.  


Planeta Balão:
E o time ajuda um pouco a turma?

TZN: A TZN é assim, muitas vezes parece que vai acabar, mas logo aparecemos com outros projetos. Foi assim com a Bagdá, o 19x19 e o time ajudou no sentido de unir mais a turma. Isto faz com que a turma se renove, uns saem e outros entram.  


Planeta Balão:  Um mico que TZN já pagou?

TZN: Foi um Balão com bandeira para a namorada do Bigola. O balão queimou na mão do Bigola (nos guias)  recuperamos a bandeira, resgatos outro balão da Turma do Zeppelin  que tinha subido painel (painel dois beija-flores se beijando.), e mandamos a bendeira nele.


Planeta Balão: E o namoro acabou?

TZN: Não de forma alguma, Irei casar com ela, mas para compensar soltei uma bandeira para ela, que subiu no 7x7 da Zepelim do Tatuapé, estava com a bandeira pronta quando resgatamos este balão, liguei para ela avisando que havia resgatado um balão para colocar sua bandeira.


Planeta Balão: Quem são seus amigos hoje no meio do balão?

TZN: Balão Mágico, Domínio e Vila União (inclusive jogam bola conosco). Este pessoal costuma nos ligar para avisar quais balões que irão subir.


Planeta Balão: O que vocês acham que detona o balão hoje em dia?

TZN: São as turmas sem experiência que querem soltar “monstros”, deveriam ter mais humildade e perguntar para turmas com mais experiência, pois estas turmas fizeram muitos balões menores antes de chegar nos grandes. Aparentemente quando vemos turmas do tipo Emenda, Naypes, Sandu e Mosaico, Jurema, etc., soltando seus balões parece fácil, mas não é, antes disto já soltaram muitos balões menores até chegarem nos grandes.


Planeta Balão: Qual é o futuro do balão?

TZN: Mesmo tentando legalizar, soltando as escondidas, e diminuindo o tamanho, um dia isto irá acabar.


Planeta Balão: A Associação era um trabalho da TZN ou do Waltinho?

TZN: Era mais do Waltinho. Houve muitas brigas por isso, atrapalhava o resgate. Mas já isso já acabou.


Planeta Balão: Porque tiveram a idéia de enviar um e-mail para o planeta balão?

TZN: Foi para dar um toque que a TZN está viva.  


Agradecimentos da TZN.

Agradecemos a quem está conosco até hoje, quem não abandonou o navio, quem segurou as broncas e as pessoas de outras turmas que foram citadas nesta entrevista, pois nos ajudam e são nossos amigos. Agradecemos ao Planeta Balão pela oportunidade. 
A TZN não morreu, só falta arrumar uma sede, podem esperar muita coisa, pois vem aí o modelado de 18 metros.
Nós gostamos mesmo é de resgates, hoje para nós é mais legal pelo porte dos balões.
O problema é o fato de haver um número muito grande de pessoas envolvidas, está se tornando perigoso, pois há muito barulho, muitos chegam de motos, estourando o escapamento, invadindo  residências, quebrando tudo, isso só marginaliza mais ainda o balão.
Se houver a necessidade de invadir uma residência, nós desistimos. Preferimos estar no meio do mato.  Estamos procurando se organizar com outras turmas de resgate, como por exemplo, a Domínio e Balão Mágico e USM. E um recado para aqueles que estão começando, comecem pelos menores e vão crescendo gradualmente, sempre procurando aprender com os mais experientes, sendo humildes e podem contar com a Turma Zona Norte, valeu.  

   
   
   
   
   
   

 

Abaixo segue a maior parte da história da Turma Zona Norte.
Como vocês poderão observar eles trabalharam muito com balões de pequeno porte adquiriram conhecimento e partiram para os balões de maior porte!

 

:: Voltar ::