Clique Aqui para conferir outros depoimentos



 

Pião de 18 metros.
Rabisco - RJ.

Ficha Técnica: 

Nome da turma: Turma do Rabisco - Campo Grande (RJ).
Modelo do balão: Pião carrapeta.
Molde: Tropicália.
Tamanho: 18 metros.
Quantidade de gomos: 60.
Bainha fechamento: 1 centímetro.
Papel utilizado: Seda.
Cintamento: 150 no total (10 a 15 centímetros).
Fechamento: Fio dental grosso.
Cola: Aproximadamente 4 litros (entre balão e bandeira).
Diâmetro da boca: 1.40. Feito em tubo, mais ferro 3/16. Feito pelo Marcelo.
Antena: 24x35mts. confeccionado com flechas, mais tubetes fluorescentes na decoração.
Cabresto de boca: 4.7 metros .
Cores: Roxas e verdes em formato de rede. Feito pelo Pirulito (Diamante Negro).
Cabresto de antena: 50 metros, feito com fitilho branco.
Adereço: Pandeiro feito pelo nosso amigo Thiago Bozoró, com a impressão dos adesivos do nosso amigo Rafael (Esperto).
Bucha: 14 quilos de parafina, 5 quilos de sebo e 2 sacos de algodão.
Projeto do balão: Fernando Evolution (RJ), com uma modificação feita por Tiago Projetos (SP).
Bandeira: Fernando Evolution.
Tempo de Confecção: 1 ano e 9 meses.
Data da Soltura: 26 de Janeiro de 2014. 

Início de Tudo:

Tudo começou com um planejamento democrático, conversamos nós quatro (Léo, Bruno, Luiz, Bruno E.T.), sobre qual seria o tema, modelo, tamanho e molde do balão a ser confeccionado. Logo decidimos fazer o tema da Saga Crepúsculo. Fizemos contato com Pinto (Pavuna) para ele fazer a contagem dos tacos da bandeira. Após ele ter feito a contagem, compramos todos os materiais (papel e cola).

Primeiro Problema: Na metade da confecção da bandeira, acabou várias cores, sendo que não encontramos das mesmas tonalidades em lugar nenhum; isso durou 4 meses para encontrar o papel.

Segundo Problema: O calor não tinha como ficar na bancada, pois as folhas encolhiam. Nós só podíamos mexer com o tempo fresco, ou à noite - coisa que, aqui no Rio, é muito difícil de ocorrer.

Terceiro Problema: Nós não tínhamos ainda feito balões no taco. Pedimos auxílio ao pessoal da Diamante Negro.

Todos os problemas foram resolvidos, daí era só colar tacos. Assim foram longos meses, pois éramos somente três pessoas trabalhando com a ajuda de nosso amigo Angelo. Tínhamos que conciliar com os nossos empregos e famílias, mas caímos para dentro até finalizarmos tudo bandeira, balão, antena, cabresto, bucha e boca feita pelo Léo. Tudo recompensado pelo lindo balão. 

Soltura:

No dia 24 de Janeiro de 2014, levamos a antena para o local, com a ajuda do nosso amigo Magno que transportou boca, bucha e antena, na maior boa vontade. No dia 26, chegamos ao local no horário de 3 horas da manhã para começarmos a montar tudo.

Emoção:

Indescritível.

Resgate:

Segundo amigos, ele desceu dentro da praia de Mangaratiba, às 11:00 horas da manhã. Um barco de pescadores cortou a cabrestada, pois não conseguiram descer o junino. Foi visto pela última vez às 17:00 horas em Trindade, indo em direção para São Paulo.

Concorrem em alguma premiação:

Não.

Agradecimentos:

Queremos agradecer de coração ao Fernando Evolution e Tiago Projetos (São Paulo), pelo lindo projeto. À Turma Diamante Negro, pelas orientações sempre que precisamos. Ao Marcelo Bocas, pelo belíssimo aro da boca. E também, a todos os amigos que nos ajudaram colando tacos, fechando etc. Aos amigos Angelo, Bozoró, Douglas, Acácio (Visão da Arte), Adson e aos demais que não foram citados. Obrigado a todos. E claro, nossas esposas e namoradas por aguentarem todos nós com nossa arte.  Rabisco - RJ.