Clique Aqui para conferir outros depoimentos



 

Pião de 25 metros Albatroz.

Ficha técnica:
 
Molde: Ricardo (Astros do Céu )
Quantidade de gomos: 66
Cones: 05
Cintamento: +/- 90 cintas, sendo algumas com fio dental e outras apenas com durex
Leque: Edú Turma Tropeço
Tema: 25 anos da turma
Boca: 1,70 mts
Bucha: 15 Kg com sebo e parafina
Respiros: nenhum, apenas uma abertura no bico
Bandeira: 35 x 45 mts
Antena: triangular feita de pau flecha e barbante parafinado
 
Início de tudo: 

Nosso amigo Vitiér, quando viu o símbolo da turma com uma letra "A" e todo aquele colorido em volta comentou em fazermos uma bandeira, sendo assim como já estava morando no RJ, o Victor foi até o Dudu (Raio de Sol) para fazer o projeto, em poucos minutos já estava pronto, em contato com o Vitiér via nextel, acertamos todos os detalhes do desenho. 

Confecção:
 
O balão foi feito pelo Edú da Turma Tropeço, na época ele não estava muito bem de saúde, o Vitiér sabendo disso saberia que poderia ajudar de alguma forma, e propôs ao Edu se gostaria de confeccionar o balão para nós, assim ofertando uma quantia para seus gastos particulares, e já a bandeira teve início com o Rubney da Vl. Maria, e também quem deu uma força foi o Ricardo da Astros do Céu, mas devido algumas complicações, o Victor teve de buscar todo o material e finalizar a bandeira com a ajuda do Juca, Bruna e Xingú.
 
Soltura:
 
No início o balão subiria de SP, depois resolvemos levar para o RJ, sendo que lá acabou ficando por 2 anos, e aí sim no início de 2011 trouxemos de volta para SP e deixamos tudo pronto para a soltura.
 
Emoção:
 
Quando o balão saiu e ficou parado em cima do campo, sem sair do lugar, com aquele emblema enorme na bandeira, e logo em seguida a abertura da gaiola foi espetacular.
 
Resgate:
 
Sobrou apenas a boca do balão, o amigo Lessinho (Tôa Tôa) foi quem chegou, desceu por volta das 11:30 horas entre Itajuba e Piquete, Sul de Minas.
 
Concorrem a alguma premiação:

Não
 
Agradecimentos:
 
A todos que nos ajudaram na montagem da antena e soltura do balão, as fotos e filmagens enviadas, ao dono do sítio por ter liberado o espaço para a soltura e ao nosso amigo Vitiér que infelismente não estava no local da soltura.